Um cidadão chinês vai receber uma indemnização de 82 mil euros por ter sido mordido por um urso panda. Guan Quanzhi, morador de uma cidade do noroeste da China, foi atacado por um panda que estava em fuga de uma reserva natural, no ano passado.

O urso refugiou-se numa propriedade do homem e mordeu-o numa coxa. Para recuperar do ataque, a vítima teve de ser submetida a várias cirurgias.

O filho da vítima processou os diretores do parque nacional de onde fugiu o urso e onde vivem mais de cem ursos em estado selvagem. Ainda assim, as partes chegaram a acordo sem levar o caso a tribunal.