Um adolescente chinês escondeu-se no porão de um avião da Emirates durante um voo de nove horas até ao Dubai, onde pretendia fazer fortuna, descrevendo a viagem como confortável.

O passageiro clandestino de 16 anos foi encontrado depois do voo proveniente de Shanghai ter aterrado no Dubai na sexta-feira, revela o diário 7Days citando a polícia.

Disse-nos que viajar na secção das malas do avião foi confortável”, disse o assistente do chefe da polícia do Dubai para portos e aeroportos, o General Ahmed bin Thani, acrescentando que o adolescente "planeou vir para o Dubai depois de ouvir falar do estilo de vida, e queria ganhar dinheiro".

Através de um tradutor, o passageiro clandestino de Bazhong, no sudoeste da China, disse que ouviu um rumor na internet de que "até os mendigos" conseguem fazer muito dinheiro no Dubai.

A companhia comentou o incidente que aconteceu com o Airbus A380, não revelando, no entanto, a identidade do adolescente ou a sua condição.

Estamos a cooperar com as autoridades no Dubai e como se trata de um assunto de polícia não podemos fazer mais comentários".

Não ficou claro como é que o adolescente - que continua sob a custódia daquele emirado do Golfo Pérsico - conseguiu entrar no porão - que é normalmente pressurizado e tem temperatura controlada - ao contrário dos poços das rodas onde os passageiros clandestinos arriscam a morte devido às temperaturas geladas e à falta de oxigénio.