Um casal brasileiro do interior de São Paulo gosta tanto de vinho que se inspirou em castas internacionais para escolher os nomes dos três filhos.

Syrah Luiza, João Malbec e Natasha Chardonnay têm, assim, inspiração francesa, sendo as colheitas de diferentes anos. Syhar tem dez anos, Malbec tem nove e Chardonnay ainda não tem 12 meses.

«Nós gostamos muito de vinho e, durante uma conversa no início do namoro, decidimos que a nossa primeira filha se chamaria Syrah, que é o nome da uva que mais gosto. Depois, quando o meu marido sugeriu Malbec para o segundo filho tive dúvidas e por isso optei por um nome mais comum de início», explicou a mãe à Globo.

Para registarem a primeira filha como Syrah, em 2003, os pais tiveram de pedir autorização judicial, uma vez que o cartório recusou inicialmente o registo não o considerando um nome próprio.