John Hill estava com a família na sua quinta quando encontrou o que lhe parecia ser um anel de ouro no chão. O avô, de 67 anos, puxou o «anel» e reparou que era afinal... uma granada.

No momento em que puxou o que pensava ser um anel antigo, John Hill tinha ao seu lado os netos James, de 14 anos, Dylan, de cinco, e Sidney, de dois. Quando percebeu que se tratava de uma granada, Hill permaneceu imóvel para garantir que o pino não tinha sido removido e pediu aos netos para «fugirem» dali.

Depois de os netos estarem a salvo, o homem deixou a anilha cair no cão antes de fugir até uma distância segura e ligar para o 911 (112 em Portugal).

Uma equipa anti-bomba da Marinha Real acabou por detonar a granada de mão numa explosão controlada.