Jeremy Meeks, o preso mais sexy do mundo, que ficou famoso depois da fotografia da detenção ter sido publicada na página da polícia, já conseguiu um contrato com uma agência de modelos de Hollywood. Jeremy já está a negociar contratos, apesar de ainda estar preso.

A agente Gina Rodriguez, que assinou com Meeks, é representante de várias personalidades polémicas. Entre elas Farrah Abraham, uma jovem que ficou famosa depois de engravidar aos 16 anos e ter mostrado o seu dia-a-dia na televisão, e Nadya Suleman, conhecida como «octomãe» por ter dado à luz oito crianças de uma vez.

«Jeremy tem um olhar incrível e tem recebido atenção internacional que eu acho que o pode ajudar na indústria do entretenimento», disse Gina Rodriguez, em declaração à ABC News.

«Jeremy pode fazer qualquer coisa como entre 3 mil dólares (2200 euros) 100 mil dólares (73 mil euros) por mês, em contratos como modelo. Também estamos em negociações com várias empresas de produção para tentar a incursão de Jeremy na indústria do entretenimento», acrescentou.





Jeremy Meeks enfrenta 11 acusações criminais, que incluem participação em gangues de rua e posse de armas de fogo. Mas a agente não acredita que o seu passado prejudique a carreira como modelo.

Para já, há um pormenor importante impede o arranque da carreira: Meeks está preso e tem de pagar 1100 mil dólares para sair em liberdade. A mãe já lançou uma campanha de angariação de fundos para pagar a fiança. Até agora, conseguiram 5 mil dólares.