Um homem foi expulso do partido comunista, na China, depois de ter sido filmado a apalpar uma mulher no metro, em Xangai, escreve o «Telegraph».

A mulher não o terá denunciado na altura porque não teria a certeza de quem a tinha tocado. No entanto, as imagens captadas por um dos passageiros do comboio são claras e mostram Wang Qikang a apalpá-la.

O homem, de 38 anos, disse à polícia que o incidente aconteceu quando ele estava a dormir mas o vídeo mostra que o chinês estava com os olhos bem abertos.

Depois de as imagens com o assédio terem sido publicadas na Internet, no site «weibo.com», Qikang foi expulso do partido comunista e despedido da agência de viagens em que trabalhava.

O homem adianta ainda que desde então, ele e a mulher também têm sofrido chamadas abusivas em casa.