Um cão foi presenteado, na China, com oito smartphones da Apple. O dono, grande fã da empresa de Tim Cook, já tinha comprado dois relógios de luxo no ano passado, e agora foi altura de adquirir o novo iPhone para o seu melhor amigo.

A novidade surgiu numa publicação na Weibo, rede social chinesa equivalente ao Twitter. Nas fotografias é possível ver Coco, um malamute-do -Alasca, em pose ao lado dos seus oito novos brinquedos.

Na fotografia, Coco não parece muito entusiasmado com o excêntrico presente do dono

Esta excentricidade foi cometida, no dia em que o iPhone 7 chegou ao mercado, por Wang Sicong, filho do multimilionário chines Wang Jianlin, cuja fortuna está avaliada em qualquer coisa como 27 mil milhões de euros.

Veja também: Depois de tantos rumores, o iPhone 7 é isto

Mas esta não foi a primeira vez que o malamute-do-Alasca foi presenteado com aparelhos Apple. Em 2015, aquando do lançamento do iWatch, o cão recebeu dois relógios do segmento de luxo, avaliados em cerca de 34 mil euros.

Wang Sicong é conhecido na China como o “namoradinho da Nação”, uma vez que é o solteiro mais cobiçado. Mas depois de ostentar a sua riqueza nas redes sociais, através dos presentes para o cão, a crítica intensificou-se e o jovem passou a ser acusado de “arrogância” e de ter “manchado a pureza dos chineses”.

Outro dos episódios polémicos aconteceu quando o jovem multimilionário confessou que aquilo que mais aprecia no sexo oposto é o tamanho dos seios. A afirmação foi de tal forma polémica que o pai, Wang Jianlin, veio a público dizer que o comportamento do filho estava a ser mal influenciado pela cultura ocidental.