Quando Mayam Mahmoud subiu ao palco do programa «Arabs Got Talent» (Árabes têm talento, em português), o júri certamente não imaginava que a jovem de 18 anos fosse cantar rap.

De véu na cabeça, interpretou um tema e conseguiu terminar a prova sem um único «x» dos jurados, o equivalente a um não.

«Aqui no Egito, quando uma jovem coloca um véu não faz coisas como cantar, dançar ou atuar. Ficam impressionados por eu cantar a gritar», contou Mayam, que escreve rimas desde os 10 anos e tem total apoio dos pais, à BBC.