Guillermo Reyes del Castillo, argentino, tinha um segredo, mas não conseguiu esconde-lo para sempre e levá-lo para a cova.

Depois de uma vida dupla de pelo menos cinco anos, desconhecida até pelos seus amigos mais íntimos, as duas mulheres - legítima e ilegítima - descobriram a existência uma da outra através das páginas do jornal.

As duas mulheres resolveram publicar uma mensagem de homenagem ao companheiro falecido. A esposa, em nome dela e dos filhos, destacou a dor que sentiam pela sua perda. A ilegítima (que pensava ser legítima), agradeceu a felicidade dos cinco anos de vida em comum.