Uma mulher vestida de enfermeira está a ser investigada pelas autoridades suíças após ter publicado fotografias no Facebook que mostram a mulher ao lado de um paciente supostamente morto. A mulher pede na rede social para fazerem apostas sobre se o homem deitado numa cama está vivo ou morto. Mais à frente, nos comentários, a alegada enfermeira autointitula-se «ladra de almas».

O jornal suíço que o «Daily Mail» cita, dá conta ainda de outras fotos polémicas, como aquela que mostra a mulher vestida com um fato de enfermeira vermelho e por trás vê-se uma parede cheia de objetos sadomasoquistas.

A Ordem dos Enfermeiros suíça pede um processo-crime. Para além da imagem das enfermeiras estar a ser afetada, considera aquelas fotos um desrespeito pelos direitos dos pacientes.

A página de Facebook foi entretanto desativada.