Um condutor perdeu o controlo do Ferrari que conduzia e acabou por destruir por completo o automóvel acabado de comprar. Saiu fora da autoestrada, em Barnsley, no norte de Inglaterra, na passada quinta-feira, e ainda andou 50 metros antes do carro acabar por explodir.

Segundo informações da polícia, o carro planou, provavelmente devido ao piso molhado, e acabou por cair num campo antes de se transformar numa "bola de fogo".

Ainda segundo as explicações da polícia, o condutor tinha o carro há apenas uma hora. Tinha-o comprado por cerca de 290 mil euros.

O incêndio provocado pelo acidente teve de ser apagado pelos bombeiros. As imagens divulgadas, mais uma vez pela polícia, mostram o carro totalmente carbonizado, um Ferrari 430 Scuderia Black Black. 

Apesar do aparatoso incidente, o condutor conseguiu sair do carro antes da explosão e sofreu apenas ferimentos ligeiros, nomeadamente, lesões musculares.

Numa publicação no Facebook, a Policia de South Yorkshire revela que, dado a viatura ter ficado de tal forma irreconhecível, os agentes perguntaram ao condutor "que tipo de carro é que ele tinha". Foi então que o homem contou que tinha acabado de comprar a "bomba". 

Os agentes sentiram que o condutor estava com uma sensação de orgulho ferido. Ele disse que tinha o Ferrari apenas há uma hora.”

As autoridades utilizaram o aparatoso acidente para alertarem os condutores para os cuidados a ter na estrada.

Ao longo das últimas semanas, houve uma série de acidentes onde os estilos de condução não foram adaptados às condições meteorológicas. Conduzam com mais cuidado!".