logotipo tvi24

Navio de guerra vai ser um museu subaquático

Corveta está a ser descontaminada, antes de ser afundada

Por: Redacção    |   2012-07-01 17:32

Estão quase concluídas as obras de descontaminação do primeiro navio de guerra que vai ser afundado para criar um museu subaquático no Algarve. Para trás, ficam cinco meses de trabalho para dar uma nova vida à corveta de 85 metros.

Chegou às águas portuguesas há 40 anos. A «Oliveira e Carmo», uma corveta construída para guerra é agora esperança de vida. Oferta da marinha para um projeto de criação de um museu subaquático na costa algarvia ao largo de Portimão é o primeiro dos quatro navios que vão ser afundados.

Desmantelada peça por peça há cinco meses, já viu sair das suas entranhas mais de 280 toneladas de materiais perigosos e ainda há trabalhos a decorrer. O museu subaquático algarvio vai ter quatro navios de guerra afundados a apenas três milhas da costa.

Uma aposta em algo inédito que é também um convite a um novo segmento de turistas para o Algarve.

Partilhar
EM BAIXO: Navio de guerra vai transformar-se em museu subaquático
Navio de guerra vai transformar-se em museu subaquático

Valongo dos Azeites: homicida em fuga contacta vizinho
Está instalado um sentimento de insegurança na localidade
Força Aérea resgata jovem em alto mar
No espaço de duas semanas esta é já a terceira missão deste tipo feita pela Força Aérea Portuguesa no arquipélago
Veja as imagens do resgate dos sobreviventes de «Mar Nosso»
Corpos das vítimas já chegaram a Portugal. Excesso de peso pode ter estado na origem de mais esta tragédia no mar
EM MANCHETE
Benfica celebra vitória do campeonato
Lima marcou 2 golos (58' e 61') no jogo com o Olhanense. Milhares de adeptos festejam
Operação Páscoa sem mortos no terceiro dia
Proteção Civil alerta para chuva e vento fortes