Última atualização às 20:04

Cerca de duas de pessoas cortaram a linha do Douro, em Marco de Canavezes, durante duas horas.

A multidão está contra a intenção de suspender as ligações ferroviárias entre o Marco de Canaveses e Caíde de Rei.

Segundo a TVI constatou no local, pelo menos um comboio que fazia a ligação Régua-Porto esteve parado na linha.

A dada altura o comboio começou a deslocar-se sozinho e ia atropelando alguns dos manifestantes. Segundo a GNR, a máquina ter-se-á destravado, mas não se sabe como.

Na sequência deste incidente, os populares lançaram pedras contra o comboio, que está agora protegido por uma unidade de intervenção da GNR, que tem no local cerca de duas dezenas de militares.